Pétala de Rosa
"Quando dois olhares se encontram, o amor começa a nascer nesse momento."
Nei Ferranini
Siga-nos no Twitter
 




 
 
 

Para viver um amor de verdade

 
Torne seu relacionamento mais profundo e apaixonado!

Não seria maravilhoso se todos os enamorados tivessem a receita do amor verdadeiro: aquele que dura, transforma, cura e proporciona alegria inestimável? De acordo com Daphne Rose Kingma, autora do livro "Para viver um amor de verdade - Como tornar seu relacionamento mais profundo e apaixonado", Editora Sextante, o amor de verdade só floresce quando nos preparamos para isso e, uma vez que ele acontece, requer empenho contínuo para que a relação seja duradoura, feliz e atinja o seu objetivo sublime de nos tornar versões melhores de nós mesmos.

Preparado(a) para começar? Então conheça os ingredientes da receita do amor verdadeiro dada por Daphne, apelidada de "doutora do amor" nos Estados Unidos.

-Um relacionamento é um processo, não um destino. Começa com um amor que prende nossa atenção, acende a paixão e supera os inúmeros altos e baixos que lhe dão tempero e que, mesmo sem gostarmos ou esperarmos, formam e transformam as duas pessoas que o criaram. Por isso, celebre as mudanças.

-Lembrar que ninguém é perfeito o ajudará a aceitar a pessoa amada com suas imperfeições, alimentará sua paciência e o fará compreender que você não é o único a sofrer. Em um nível mais profundo, o estimulará a conhecer as feridas do outro e descobrir como cuidar dele com carinho.

-Lembrar que todos têm problemas é um modo de se unir. Quando reconhece em seu coração e por meio de atos que o outro também sofre os efeitos do dia-a-dia, cria-se um vínculo diferente, percebendo que passam por tudo isso juntos.

-Um dos maiores erros que você pode cometer no amor é se tomar como base e presumir que seu parceiro é exatamente igual a você em termos de sensibilidade, hábitos, preferências, esperanças e expectativas. A consequência disso é que a maioria das pessoas faz ou dá o que gostaria de receber, em vez de se preocupar com o que a outra pessoa quer. Por isso, pergunte! Quanto mais você souber quem ele é, menos cometerá o erro de anulá-lo.

-Seu amado não tem bola de cristal. Precisamos dizer ao outro o que queremos e pedir aquilo de que precisamos.

-Presumir que você sabe o que o outro está pensando, sentindo ou fazendo pode gerar mágoas e criar uma barreira contra a intimidade. As suposições roubam nossa individualidade e liberdade de expressão e afastam oportunidades, fazendo com que as pessoas se fechem ainda mais.

-Comunicação. A verdadeira comunicação é uma revelação, não uma disputa. É uma troca de sentimentos e informações que pode tornar os dois mais abertos a uma percepção mútua maior e um amor mais profundo. A comunicação só se completa quando quatro elementos (falar, ouvir, responder e confirmar) estão presentes.

-Amar a si mesmo é se conhecer, se gostar, se valorizar e entender que o autoconhecimento é uma tarefa que dura a vida inteira. Significa que você dá a si mesmo pelo menos o mesmo valor que dá ao seu amado e sabe que ele tem tanta sorte no amor quanto você.

-Destacar as qualidades do seu amado e falar sobre eles com seus amigos e filhos ajudará você a manter seu amor sempre renovado e cheio de vida. Os elogios são o alimento verbal da alma. Ao celebrar o que é especial, você não só se tornará mais consciente do valor do outro, mas do seu também.

-Todo mundo gosta de surpresas, de coisas inesperadas, incomuns, do tesouro escondido, do coelho na cartola. Fazer o inesperado surte efeitos maravilhosos: dá a você a oportunidade de se divertir com sua própria imaginação e de usar sua criatividade, permite que seu parceiro se sinta especial e anima o relacionamento.

-Beije. Os beijos são o alimento do amor. Fazem com que nos sintamos... beijados. Escolhidos, desejados, poderosos, belos, sensuais, alegres, felizes, despreocupados, invencíveis, amados.

-Dê mais presentes. Não espere pelas ocasiões especiais. Compre algo desnecessário, bobo, emocionante, o presente que diz que você o ama e que o conhece a fundo.

-Ofereça ajuda: mostre que você quer participar das obrigações de seu parceiro simplesmente porque o ama.

-Aprenda a brigar de maneira construtiva. Uma briga pode ser considerada boa quando os dois lados sentem que aprenderam alguma coisa e que passaram a se conhecer melhor.

-Não aproveite as brigas para lavar a roupa suja. Você não deve trazer para a discussão assuntos que não são relativos a ela.

-O tempo desbota o amor, mas ele pode ser instantaneamente reavivado pela recordação do que era mágico no começo. O que quer que tenha ligado inicialmente era real e poderoso, mas é possível se esquecer disso com o tempo. Quando vocês se permitem reviver a antiga paixão, tornam o que os atraiu tão forte quanto o que está minando seu relacionamento agora.

-Quando nos divertimos, sentimos a alegria despreocupada de nossas almas. Ficamos livres do peso das obrigações e das responsabilidades e temos uma sensação de prazer em relação a nós mesmos. Brincar nos faz voltar ao tempo em que a vida era cheia de novidades e possibilidades, faz renascer a criança dentro de nós - e precisamos fazer isso o máximo possível.

-Confiança gera confiança. Saber que você entrega sua vida, seu coração, seu corpo, seus talentos, seus filhos e seus bens materiais à pessoa amada faz com que ela se torna ainda mais digna desse sentimento. Por isso, quanto mais você confia, mais seguro se sente e mais capaz de amara se torna.

O relacionamento - duas pessoas que se unem para viver, trabalhar, brincar, rir, chorar, se alegrar e fazer amor - é a forma que os seres humanos dão ao amor. Mas esse sentimento está além de todas as definições e de qualquer análise. O amor tem seus próprios caminhos.

Buscamos esse sentimento sem saber o que é, conscientes apenas de que o reconheceremos quando o encontrarmos - e esse é o verdadeiro mistério do amor... Viva-o!

Bibliografia - "Para viver um amor de verdade - Como tornar seu relacionamento mais profundo e apaixonado", de Daphne Rose Kingma, Editora Sextante.

Thaís Bronzo

 
Veja também:
Um grande amor
Crônica do amor
Você me ensinou o amor
Meu melhor presente: seu amor
Borboletas
O caminho do meu coração
Um Amor de Verdade
 
Sobre o Portal Canais Acompanhe o Pétala de Rosa